Manchas de óleo chegam à divisa da Bahia com o Espírito Santo

Com informações do A Tarde

Pequenas manchas de óleo foram localizadas nesta quarta-feira (6), na costa de Mucuri, 892 km de Salvador, próximo ao limite com Nova Viçosa. Os fragmentos foram recolhidos pela Defesa Civil do município e encaminhados para análise.

Mucuri é o município do litoral baiano que faz divisa com o estado do Espírito Santo. “A ocorrência do óleo nas suas praias confirma a tendência observada há mais de dois meses, das manchas seguirem avançando em direção da região Sudoeste”, disse a bióloga Rosane Souza.

Ela, que faz parte de uma equipe de voluntários que está colaborando com a limpeza das praias do extremo sul baiano, ressaltou que a preocupação não deve se restringir ao recolhimento e armazenamento do produto.

“Porque não se sabe a origem, nem a composição química. As manchas estão se espalhando e a cada dia aumentam os lugares atingidos”, afirmou, destacando que “é necessário que os governos se atentem para novos problemas de saúde que podem ocorrer no contato com a água e com a ingestão de peixes e mariscos das regiões que foram contaminadas”.

Com a confirmação da chegada do óleo em Mucuri, a Bahia contabiliza 31 municípios atingidos pela poluição que chegou no estado dia 03 de outubro. Além dos municípios, também o Parque nacional Marinho de Abrolhos foi afetado e está com visitas suspensas até o dia 14 de outubro.

Mas, apesar da confirmação por parte do Ibama, o município divulgou ontem uma nota onde nega que as manchas estejam nas suas praias. No entanto, reconhece a chegada dos fragmentos enviados para análise.

Na nota a prefeitura de Mucuri recomenda a quem encontrar o material poluente, que comunique imediatamente as autoridades. Também confirmou a criação de um grupo de acompanhamento, formado pela Defesa Civil, a Secretaria de Meio Ambiente e voluntários.

Comentários

comentários