Prefeitura de SP divulga regras para volta às aulas presenciais

Foto:Reprodução

Escolas devem funcionar com 20% da capacidade por turno e cada aluno deve frequentar o colégio por apenas por duas horas, em dois dias na semana

A prefeitura de São Paulo divulgou neste sábado (26), por meio de publicação no Diário Oficial, as regras para a retomada das aulas presenciais de reforço na cidade, no próximo dia 7 de outubro. As escolas devem funcionar apenas com 20% da capacidade por turno e cada aluno deve frequentar o colégio apenas por duas horas, em dois dias na semana.
O prefeito autorizou apenas o retorno das atividades extracurriculares para os alunos do Ensino Infantil, Fundamental e Médio. A regra vale para as instituições públicas (municipal e estadual) e privadas. As escolas poderão reabrir nos dias 7 ou 19 de outubro. Já os professores deverão retornar às unidades antes, nos dias 5 ou 15 de outubro.As principais atividades que devem ser desenvolvidas são: atividades culturais, cursos de idiomas, atividades esportivas, exceto aquelas que demandem contato físico e organização coletiva, atividades de reforço escolar, preferencialmente de Língua Portuguesa e de Matemática, acolhimento, musicalização, contos literários, oficina de culinária, teatro de fantoches, exploração tátil/visual e atividades recreativas.

Cada conselho escolar deve realizar uma consulta com os pais e definir como será feita a retomada e a data marcada. Essas especificações devem ser encaminhadas para a Secretaria Municipal de Educação para a sua aprovação. Atividades em grupo seguem proibidas.Etapa 1 – A partir de 7 de outubro, cada escola poderá trabalhar com até 35% da capacidade total em sala de aula. Ou seja, em uma unidade escolar com mil estudantes, somente 350 poderão ter aulas presenciais a cada dia, e os demais continuarão a cumprir atividades remotas. Cada escola deverá definir o revezamento de alunos, e cada estudante deverá ter ao menos um dia de aula presencial por semana. A definição do revezamento levará em conta a capacidade física de cada unidade escolar.

Fonte:R7

Comentários

comentários