Lauro de Freitas: vereradora diz que há indícios de fraude em licitação para compra de tablets

A vereadora de Lauro de Freitas, Débora Régis (PL), afirmou na última quinta-feira, 19, que há indícios de fraude em licitação para a compra de tablets pela Prefeitura, que seriam disponibilizados a estudantes da rede pública.

Em entrevista ao programa Bahia no Ar, a edil desconfiou do fato de uma empresa de grande porte ter sido “desclassificada” pela ausência de assistência técnica na “região metropolitana”.

“Eu fui surpreendida no Diário Oficial dizendo que a Multilaser tinha sido desclassificada […] E aí eu fui procurar saber o porque ela tinha sido desclassificada. A comissão de licitação informou que ela foi desclassificada porque na Região Metropolitana não tinha assistência técnica”, relatou.

Débora diz ainda que a empresa vencedora do certame, a Conceito Comunicações, alterou o valor do capital social de R$ 200 mil para R$ 2,4 milhões em apenas dois meses.

 

 

Atarde

Comentários

comentários