João Roma é de maior, sabe o que faz”, diz Arthur Maia sobre ataque

O deputado federal Arthur Maia (DEM) comentou o ataque ácido do ministro da Cidadania, João Roma, contra o ex-prefeito de Salvador e ex-aliado ACM Neto (DEM). Um dia antes do lançamento da pré-candidatura do campo carlista ao Governo da Bahia, o aliado de Jair Bolsonaro chamou o evento de “festinha”

“O ministro João Roma é de maior, sabe o que faz. Naturalmente que todos nós políticos somos julgados pelo júri popular, pelas eleições e pelas urnas”, declarou o parlamentar ao BNews.

Apesar do ataque, Maia ainda defende uma união da oposição na Bahia para derrotar o pré-candidato Jaques Wagner (PT) nas eleições de 2022. E essa aliança, na visão dele, deve incluir Roma.

“Sempre acho que, todos aqueles que são antipetistas, têm que estar em torno da candidatura de João Roma. Se o ministro João Roma quiser vir apoiar ACM Neto, da minha parte, terá toda a boa vontade de construir essa união”, avaliou.

O parlamentar também afirma que tem uma boa relação com o ministro. “Tenho em João Roma a conta de um amigo. Aqui na Bahia sempre que estivemos no mesmo lado. Eu acho que o mal maior é o PT e temos que nos unir para derrotá-lo aqui na Bahia”.

Conforme o BNews informou, a fala de João Roma caiu mal no campo democrata. O entendimento dos interlocutores de ACM Neto é que, para ele ter falado isso, é porque realmente acredita que não há mais possibilidade de uma reaproximação.

 

Comentários

comentários