Simões Filho: Vereador fala das demissões de servidores

Em entrevista ao programa Baiana Livre desta sexta-feira (21), o vereador da cidade de Simões Filho, João Contador (PDT), falou sobre a regularização latifundiária. “Esse assunto tem sido uma bandeira nossa na cidade, juntamente com os demais companheiros na Câmara Municipal, porque entendemos que o morador precisa está regularizado para não ser penalizado”, explicou.

Em relação a construção das nova rodoviária da cidade, João foi direto. “O povo de Simões Filho precisa de uma nova rodoviária há muito tempo. Estamos buscando uma parceria juntamente com o nosso prefeito, com o nosso secretário de Indústria e Comércio para que possamos oferecer condições melhores para o nosso povo”, respondeu.

Trajetória Política

O parlamentar falou também sobre a sua trajetória política. “Na verdade, eu nunca tive pretensão política, sou contador e como presidente da Associação Comercial de Simões Filho (ACOSIF) recebi o apoio dos empresários da cidade. Me lancei como vereador e graças a Deus hoje estou lutando por melhorias para a nossa querida Simões Filho”, concluiu.

Pelo fato de ter entrado neste segundo mandato na vaga do vereador Alfredo Assis que foi para a Secretaria de Saúde, João foi perguntado se está na mão do prefeito, e respondeu com bastante segurança. “Não existe esse negócio de está na mão do prefeito. Eu sou vereador respeitado e continuarei sempre com as minhas decisões e pensamentos, buscando o melhor para os meus eleitores e a população de Simões Filho”, disse.

Sobre as demissões na cidade de Simões Filho, João Contador se esquivou. “Eu não tenho um discurso copiado do prefeito, por que tenho opinião própria. Agora, em relação as demissões é necessário demitir para que o prefeito não seja punido pela questão da Lei da Improbidade Administrativa. Essas demissões são normais e acontecem em todo município”, explicou.

Por Ataíde Barbosa

Comentários

comentários