Polícia pede reconhecimento facial de militantes que invadiram tríplex

Com informações do Metro 1 ( Foto: Reprodução)

A delegada que comanda o inquérito da invasão do tríplex atribuído ao ex-presidente Lula (PT) no Guarujá pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Teto solicitou perícia e até reconhecimento facial dos participantes do protesto.

De acordo com a Folha de S. Paulo, no dia, ela pediu perícia também no apartamento, para colher as impressões digitais de quem passou por lá.

A publicação afirma, no entanto, que, quando os especialistas chegaram ao local, encontraram uma faxineira limpando tudo – a funcionária havia sido contratada pelo leiloeiro que estava responsável pelo imóvel.

Comentários

comentários