Bolsonaro recomenda que aliados não falem com jornalistas e diz que mídia é adversária

Com informações do metro1

Brasília - Deputado Jair Bolsonaro fala com a imprensa sobre ter virado réu no STF, pela sua declaração que "Não estupraria Maria do Rosário porque ela não merece" (Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou ontem(11), em um ato político realizado no Rio de Janeiro, ao lado correligionários eleitos, que a mídia é uma adversária de sua campanha. O capitão da reserva declarou que os aliados políticos devem evitar falar com jornalistas.

“Tomem muito cuidado com a mídia. [Ela] quer ganhar uma escorregada para me atacar. Recomendo nem falar [com jornalistas], que parte da mídia quer nos desgastar”, afirmou.

Bolsonaro falou a um grupo de parlamentares eleitos. “Nós conseguimos enfrentar inimigos de toda ordem. O atentado [que sofreu no dia 6] é porque nós somos um perigo não para a democracia, mas um perigo para os que teimam em não ser brasileiros”, disse.

Comentários

comentários