M.de Deus: Município não recebe navio da Libéria, informou Anvisa

A chegada de um navio com bandeira da Libéria ao município de Madre de Deus, um dos países africanos que sofrem com a epidemia do vírus Ebola, está movimentando o canal de mensagens instantâneas- WhatsApp, dos moradores dos municípios da Região Metropolitana.   A mensagem traz a seguinte informação: “Galera, bom dia! N sei se vcs estão sabendo! Mas, no dia 03 de novembro, chegará aqui na Bahia e ficará no porto de: Madre de Deus, um navio vindo da Libéria, país com alto risco de contaminação do Ebola. Vamos ficar ligado!”

Procurada pela Rádio Baiana FM, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que o navio Buxharmony, de bandeira liberiana, “não esteve na Libéria nos últimos 30 dias. Antes de aportar em Salvador, o navio já passou por Rio de Janeiro e Manaus, onde chegou no dia 4 de outubro”. A Anvisa disse ainda que  a “embarcação foi inspecionada ao chegar no Brasil e em cada porto em que esteve, não havendo qualquer indício de ebola”.

Em relação ao surto de Ebola, a Anvisa esclarece que segue as diretrizes da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde para o controle de doenças. Como medida de preventiva, a recomendação é que as áreas da Anvisa em Portos, Aeroportos e Fronteiras se mantém em estado de alerta para eventos de saúde relacionados a viajantes.

Comentários

comentários