Justiça Federal expede alvará de soltura de Temer

Com informações do Bahia.BA

Substituta do juiz Marcelo Bretas, atualmente de férias, a juíza Caroline Figueiredo, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, expediu no final da manhã desta quarta-feira (15) o alvará de soltura do ex-presidente Michel Temer, após o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidir, por unanimidade, conceder habeas corpus ao emedebista, informa a Folha.

Antes de seguir para sua casa, Temer será submetido a exame de corpo de delito.

O ex-presidente ficou preso preventivamente por quatro dias em março e voltou à cadeia no último dia 9 de maio, após ter habeas corpus revogado pelo Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2).

No julgamento de terça-feira (14) no STJ, prevaleceu o entendimento do relator do habeas corpus de Temer na Corte, ministro Antônio Saldanha Palheiros, para quem o decreto original de prisão foi incapaz de apontar algum ato delitivo recente que justificasse a prisão preventiva do ex-presidente

Comentários

comentários