Madre de Deus: Em entrevista, Jailton Policia comenta ação que alegava terceiro mandato

0

Em entrevista ao programa Baiana Livre desta quinta-feira (20), o prefeito em exercício do município de Madre de Deus, na região metropolitana de Salvador, Jailton Polícia (PRB), comentou a ação que alegava terceiro mandato do prefeito Jeferson Andrade (DEM).

“O processo todo mundo conhece que é a oposição alegando na justiça  que o prefeito Jeferson não poderia concorrer as eleições porque caracterizava um terceiro mandato, o que não era verdade.  Jeferson assumiu o mandato com a renuncia da ex-prefeita Carmen Gandarela, por determinação judicial. Nós fomos ao  Tribunal Superior Eleitoral – TSE, onde não foi identificado a existência do terceiro mandato, dando validade a continuidade da nossa gestão, onde  com fé em Deus iremos terminar o nosso mandato prestando uma boa gestão ao nosso povo”, disse.

Durante a entrevista, Jailton fez um balanço das ações durante os primeiros meses de gestão na cidade. “Nós acompanhamos uma redução da violência na cidade, melhoramos a qualidade dos profissionais de educação, hoje temos mais de 500 alunos na universidade, além disso, estamos capacitando os estudantes com cursos de pré-vestibular, entre muitas outras ações”, afirma.

Greve dos Professores

O prefeito interino destacou que o município tem o segundo melhor teto de professores do país. “Só perdemos para Curitiba, isso não impede que cada ano o salario do professor seja reajustado. Chegamos ao entendimento que nesse período de crise, só foi possível estabelecer um reajuste de 5%. Porém, muitos foram a favor, outros contra, e ainda tinha alguns que queriam fazer politicagem. Por isso, nós provamos na justiça que não tínhamos condições de pagar mais do que isso”, alegou Jailton.

Câmara de Vereadores

Sobre a saída primeira secretária da Mesa Diretora, vereadora Jodiane Alves (PRB), para ocupar liderança do governo do prefeito Jéferson Andrade (DEM) na Casa Legislativa, Jailton afirmou que é uma boa escolha do prefeito. “Ela foi eleita na base do governo, é uma pessoa preparada e pela sua formação politica, ela conseguiu comprovar que é a pessoa certa para defender o governo”, acrescenta.

Na base aliada de Jeferson, o nome mais forte para substituir Jodiane é o da colega parlamentar, Joice, filha de seu Hélio, também do PRB. Do PPS, partido que divide maior bancada com o PRB (os dois partidos têm três vereadores), deve apostar no nome do vereador Kikito Tourinho.

 

 

Comentários

comentários