Candeias: Prefeitura aplica multa de R$ 5 milhões por vazamento de óleo

    Foto: Divulgação

    A prefeitura de Candeias, na região metropolitana de Salvador, responsabilizou a Petrobras por um vazamento de óleo bruto que acarretou na contaminação do Rio São Paulo, no distrito de Passé. A prefeitura destacou que multou a Petrobras em R$ 5 milhões pelo vazamento e destacou que o lançamento do efluente causou danos ambientais que resultou na contaminação da água e no desequilíbrio na fauna local.

    O órgão divulgou uma nota informando que a Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Agricultura (SEMA) enviou técnicos ao local do acidente ambiental, que averiguaram a gravidade e as conseqüências do vazamento de óleo bruto na região.

    Em nota divulgada ao portal G1, a Petrobras informou que o vazamento, estimado em três metros cúbicos de “água oleosa”, aconteceu no sábado (8) e afirmou que irá instaurar uma comissão de investigação para apuração das causas do vazamento. A Petrobras destacou que, até o início da tarde desta segunda-feira (11), cerca de 90% da área atingida pelo vazamento havia sido limpa pela equipe de contingência da companhia.

    Comentários

    comentários